Buscar
  • Filipe Hirota

Custo ou Despesa? Fixo ou Variável? Afinal, qual a diferença?

Atualizado: 1 de Set de 2020

É muito comum escutarmos empresários e empresárias usarem essas palavras de diversas formas: Custo Fixo, Custo Variável, Despesa Fixa, Despesa Variável ou alguma mistura disso, enfim, não há muito consenso na questão terminológica da coisa rss

De qualquer forma, não é com isso que nos preocupamos aqui, afinal, o maior problema não está em saber a “palavra certa”, e sim, entender muito bem o “conceito” que está por trás dela.

Por isso, vamos focar aqui em explicar a essência da coisa, depois disso, a “palavra correta” será apenas um detalhe.


Vamos lá:

Toda empresa possui dois tipos de Despesas (ou Custos rs), as FIXAS e as VARIÁVEIS.

Muitos pensam que: “Se não muda, é despesa fixa. Se muda, é despesa variável”

E essa interpretação está ERRADA!

Os termos “Fixo” e “Variável”, no mundo da Gestão Financeira das Empresas, não têm relação com a variação ou estabilidade da despesa, e sim na relação que ela tem com o Faturamento/Produção da empresa.

Guarde isso:

DESPESAS VARIÁVEIS:

São aquelas que aumentam ou diminuem proporcionalmente ao aumento ou diminuição do faturamento. Isso significa que: quando o faturamento sobe 10%, as despesas variáveis também tendem a subir 10%.

Por exemplo: Fornecedores, Impostos, Comissões, Taxas de Maquininha de Cartão, etc.

DESPESAS FIXAS:

São aquelas que não tem quase nenhuma relação com o seu faturamento, ou seja, vendendo ou não, ela sempre estará lá, mais ou menos do mesmo jeito. Por exemplo: Aluguel, Salários, Contabilidade, etc.

EXEMPLO DE DÚVIDA QUE PODE SURGIR:

“Meu consumo de energia tende a aumentar quando minhas vendas aumentam, devo considerar que minha conta de luz é uma despesa variável?”

Reposta: Depende.

Se você tem uma indústria, com maquinário pesado, que consome muita energia elétrica, significa que a “eletricidade” é parte do custo de produção do seu produto, portanto, ela é FORTEMENTE CORRELACIONADA com o seu faturamento. Neste caso, a conta de luz pode ser considerada uma “Despesa Variável”.

No entanto, se você tem um comércio, onde a conta de luz só aumenta com o faturamento, pois você tende a deixar o ar condicionado ligado por mais tempo devido ao alto fluxo de clientes. Isso significa que ela tem uma BAIXA CORRELAÇÃO com seu faturamento, portanto, deve ser considerada uma “Despesa Fixa”.

Saber distinguir muito bem a diferença entre esses dois conceitos é muito importante para calcular corretamente a sua “Margem de Contribuição”, mas ai já é assunto para outro post rss


Quer nossa ajuda para melhorar a Gestão Financeira de sua empresa? Clique aqui!

Ficou com dúvida, fale com a gente!

Até a próxima!

#custo #despesa #fixo #variável #margemdecontribuicao #gestaofinanceira #gestão #dinheiro #finanças #empreendedorismo #empresas #empresarios

31 visualizações0 comentário